Áreas da Vida

Cônego Dário Bevilaqua

O Ser Humano Total

Podemos enfocar o ser humano como um animal que pensa e acumula conhecimentos, vaga pela terra num intervalo de tempo desprezível e realiza descobertas a partir de uma maneira padronizada que dá certo, mas que, ao mesmo tempo, o reduz àquilo que é capaz de pensar e provar.

A pessoa humana, no entanto é um ser dotado de corpo, mente e espírito. São três elementos ou naturezas tão diferentes, mas inseparáveis, integradas em um único ser. Em outras palavras: o ser humano é um corpo inteligente, é um espírito que tem corpo. Daí a razão pela qual as necessidades espirituais e corporais merecem o mesmo tratamento: ambas têm valor igual. Atingem a pessoa como um todo indivisível. E tem mais: as necessidades corporais influem diretamente nas espirituais e vice-versa.

A fome física, por exemplo, pode impedir o raciocínio, inteligente, mas, o raciocínio é que nos leva a resolver os problemas físicos. O ser humano enquanto animal, não há quem discorde, é o ponto máximo da evolução. Seu corpo evoluiu de maneira que é, dentre os animais, o mais capaz de realizar movimentos que exigem coordenação motora fina. Se é que ele desceu das árvores, como se diz, suas habilidades se desenvolveram. Passou a intervir na natureza de forma cada vez mais complexa. Por sua vez, como animal pensante, com autoconsciência, realizou e realiza história. O ser humano é um ser racional e emocional, além da razão, é dotado de emoções e sentimentos. Tem vida emocional.

A livre experiência das emoções é um fenômeno da segunda metade do século XX. Até então, aprender a reprimir ou negar as emoções fazia parte da boa educação. As emoções reprimidas manifestavam-se de forma disfarçada, provocando uma série de transtornos mentais. A grande mudança comportamental foi o aprendizado para a expressão das emoções. A valorização do QI (quociente intelectual) perdeu espaço para o QE (quociente emocional). Abraçar, beijar e expressar os sentimentos passou a ser valorizado. O século XXI será o do retorno a Espiritualidade. O ser humano individual só se sustenta se abrir-se para a Espiritualidade. O progressivo afastamento da dimensão espiritual, com a valorização exclusiva do mundo objetivo levou a um brutal aumento da insatisfação com a vida.

O ser humano é espiritual. O humano sem a parte espiritual é a tromba tomada como se elefante fosse. O bem-estar subjetivo, que reflete o grau de satisfação que cada um de nós tem com a vida, é o resultado global que temos da satisfação em cada área de nossas vidas que julgamos importantes. Desta forma a trajetória que nos levará a uma vida melhor é necessariamente multidisciplinar. Neste portal você irá encontrar temas voltados para as diversas áreas que compõe o ser humano total.

Localização

Endereço e E-mail

  • R. Humberto I, 201 - Vila Mariana São Paulo, 04018-030

    contato@paraumavidamelhor.com.br

 

Contato

Nome

E-mail

Assunto

Sua mensagem